CTAlmada
HOME
Produções Estrangeiras
Produções Portuguesas
Exposições
Colóquios
Actos complementares
Música

SIMBAU
de Babacar Dieng | DANÇA
em colaboração com o Celcit

N´DIENGOZ
COREOGRAFIA DE BABACAR DIENG
SENEGAL

PRODUÇÕES ESTRANGEIRAS


Voltar atrás...


A Dança do Falso Leão, também conhecida como Simbau, é um espectáculo originário de Walo, região situada no Norte do Senegal.
Executada por jovens com disfarces e atavios aterradores, a dança desenrola-se ao compasso de ritmos, cantos e palavras mágicas, capazes de domar um verdadeiro leão.
Os jovens que tomam parte no espectáculo, isto é, falsos leões, são pessoas que pelo menos uma vez na sua vida conseguiram afugentar leões que tentaram atacar populações.
Quando um destes jovens se irrita, fica com o carácter e a coragem de “Gainde”, o leão. Para os acalmar, os artistas da povoação encarregam-se de os entreter com cânticos e palavras mágicas chamadas “Yat”.

O grupo N´Diengoz foi fundado por Babacar Dieng na sua cidade natal de Louga (Senegal), em 1989. Esta denominação significa que todos os seus membros fazem parte da mesma família, cujo apelido é Dieng. Herdeiros da tradição Griôt, tanto o avô de Babacar, como o seu pai foram, respectivamente, Grande Tambor e Primeiro Griot do Senegal. O grupo começou por realizar festas na sua localidade e pouco a pouco deu espectáculos em todas as cidades do país, para mais tarde actuar em diferentes festivais de música em França, Suíça e Espanha.
O estilo da sua música sempre consistiu essencialmente na percussão, dança e canto. Ainda que tenham variado estilos, os Diengoz sempre misturaram o estilo afro-oriental, o rap senegalês e a música tradicional própria da sua região.

Intérpretes Babacar Dieng (percussão e voz), Ndiaga Dieng (percussão), Madior Dieng (percussão), Assane Dieng (percussão), Bekay Jorbatek (cora), Abou Dieng (baixo), Susane Kante (dança e coros) e Bontou Gueye (dança e coros)


22h00 Terça 18

Duração 1h20

(A Dança do Falso Leão)


BILHETEIRA

Imprimir   Imprimir