CTAlmada
PÁGINA PRINCIPAL
ESPECTÁCULOS
ACTOS COMPLEMENTARES
FICHA TÉCNICA
BILHETEIRA
CONTACTAR

TEATRO

Um jantar muito original

A partir de Fernando PESSOA
Encenação de Alex. RIENER

  Dielaemmer
Viena | ÁUSTRIA 


Um jantar muito original
Um jantar muito original

Um jantar muito original
Um jantar muito original

Voltar atrás...




No campo da prosa, principalmente na literatura de ficção, Fernando Pessoa iniciou a redacção de alguns romances e contos que deixou incompletos. Uma das poucas narrativas curtas acabadas – a par de O banqueiro anarquista – é A very original dinner, que data de 1907 e que Pessoa assinou sob o heterónimo de Alexander Search. A influência de Edgar Allan Poe neste conto macabro é bem marcante. E é justamente esta história elegante e surpreendente de antropofagia – na qual se narra como um conjunto de convidados para um jantar deveras «original» é levado a comer, sem o saber, um cozinhado de restos humanos– que Alex. Riener constrói uma impressiva metáfora sobre a responsabilidade do indivíduo numa sociedade que traga – mais ou menos elegantemente – parte significativa dos seus membros.

A jovem encenadora austríaca Alex. Riener nasceu em Bad Ischl e vive em Viena. Cursou teatro em Amesterdão e Viena. Foi assistente de encenação de Barrie Koshy em montagens teatrais e operáticas. Recentemente, tem-se dedicado à concepção e direcção de performances de teatro musical – de que A very original dinner é um bom exemplo.

Alexander Search é um dos vários heterónimos criados por Fernando Pessoa (1888-1935). Surge em 1899, quando Pessoa parte com a mãe para Durban, e exprime-se sempre em inglês. Anos mais tarde, num poema não datado, Pessoa redige-lhe o epitáfio:

“Aqui jaz Alexander Search/Que Deus e os homens deixaram só,/Que sofreu e chorou ser escárnio da natureza./ Recusou o Estado, recusou a igreja,/ Recusou Deus, a mulher, o homem e o amor,/Recusou a terra em volta e o céu além”.*
* In Pessoa inédito: orientação, coordenação
e prefácio de Teresa Rita Lopes.
Lisboa: Livros Horizonte, 1993.

Intérpretes Anna Morawetz, Eva Pröglhöf, Flo Staffelmayr, Florian Tröbinger, Karola Niederhuber, Stefanie Philipps, Susanna Hohlrieder
Dramaturgia Eva Waibel
Cenário Birgit Knoechl
Desenho de luz Kathrin Kölsch
Som Wolfgang Frisch (Sofá Surfers)


DOM 11 21H30

Língua Alemão Legendado em português
Duração 1H20
Classificação M/ 12


Teatro Nacional D. Maria II – Lisboa Sala Garrett

Estreado a 7 de Agosto em Schauspielhaus Wien
Apoios: Embaixada da Áustria em Lisboa, Ministério da Arte e Cultura Austríaco



BILHETEIRA

Imprimir   Imprimir