TERROR Y MISÉRIA (NO SOLO) DEL TERCER REICH<br/><i>O terror e a miséria (não só) no III Reich</i>
A 13 de Julho de 1974 (já era Julho mas ainda não havia Festival) o Teatro da Cornucópia estreava na Incrível Almadense O terror e a miséria no III Reich. Desde essa data a peça de Brecht não voltou a ser representada em Almada, chegando-nos agora pelos finalistas do curso de actores da RESAD de Madrid. Jesús Garcia Salgado, que assina a dramaturgia e a encenação, apostou na actualização do texto – como tradicionalmente se faz em Espanha, por exemplo, com os autores do Siglo d’Oro. De facto, como fica desde logo expresso no título, este terror e esta miséria não são só do Terceiro Reich. Salgado cria uma lógica temporal própria: em vez de judeus, temos muçulmanos e, embora nunca se deixe de falar de Hitler, não faltam referências à União Europeia. Os mecanismos da ascensão do nazismo, que Brecht denunciou em 1938, serão assim tão diferentes de alguns valores dos partidos de extrema-direita que a União Europeia inclui presentemente no seu próprio parlamento?

A Real Escuela Superior de Arte Dramático foi fundada em 1831 em Madrid pela rainha Maria Cristina de Bourbon, dedicando- se, originalmente, à música e à declamação e adoptando a presente denominação a partir de 1952. Actualmente esta universidade lecciona os cursos de Interpretação, Encenação, Dramaturgia e Cenografia.
_____________________________________________

ENGLISH VERSION

The Conservatory of Madrid presents an adaptation of one of the plays by Bertolt Brecht, in which he describes the conditions and causes for the rising of Nazism in Germany in the thirties. Jesús Garcia Salgado made an adaptation of the text, through which he denounces the existence of these same conditions in nowadays Europe.



Real Escuela Superior de Arte Dramático

Apoio: Embaixada de Espanha | Co-apresentação: Teatro da Trindade