HEDDA GABLER
Dos espectáculos colocados a votação no ano passado, o público do Festival escolheu a Hedda Gabler do Visjoner Teater para regressar este ano. Muitos foram os que ficaram de fora da “lotação íntima” de 70 lugares por sessão, na Casa da Cerca, e que terão agora oportunidade de assistir à leitura que Juni Dahr faz do clássico de Ibsen: um espectáculo que esteve nomeado para o Hedda Prize em 2011, e que integrou o Festival Ibsen em 2012 e 2014. A actriz e encenadora Juni Dahr é também a formadora convidada para dirigir este ano o ciclo O sentido dos Mestres, que decorre precisamente no auditório da Casa da Cerca onde apresenta o seu espectáculo.

Juni Dahr (n. 1953, Oslo) fez a sua formação como actriz na Academia de Artes Cénicas em Oslo e no Teatro Laboratório de Grotowski, estudando posteriormente cinema e teatro na Universidade de Nova Iorque e no Actor’s Studio. Tem desenvolvido o seu trabalho como actriz com a companhia do Teatro Nacional de Bergen. Em 2015 dirigiu o espectáculo Instruções para voar, de Lídia Jorge, para a ACTA – A Companhia de Teatro do Algarve.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

ENGLISH VERSION


Last year, Hedda Gabler was voted by the audience to come back on this edition of Festival de Almada. Therefore, Visjoner Teater brings for the second time an intimate show, only for 70 people at a time, fully respecting the idea of intimate theatre of Henrik Ibsen. Casa da Cerca, over Tagus river, becomes Gabler’s house, having Lisbon as the landscape for this modern tragedy.



Visjoner Teater